UA-24175149-1

A Produção Cultural no Brasil | Inti Queiroz

producao cultural inti

A PRODUÇÃO CULTURAL NO BRASIL
curso com INTI QUEIROZ

O curso trará um amplo panorama sobre a esfera das políticas culturais, abordando os processos históricos, as leis, programas de cultura e reflexões.

Público-alvo: Pesquisadores, artistas, produtores culturais, jornalistas e demais interessados que buscam iniciar seus estudos sobre produção cultural

Data: 7 e 14 de abril/ 2016
Período: Quintas, 19h – 22h30
Duração: 2 encontros
Local: R. Amália de Noronha, 301
(5 min. do metrô Sumaré)

Vagas limitadas! Garanta já a sua:
atelierpaulista@gmail.com


Programa

♦ Primórdios das políticas públicas de cultura no Brasil: da chegada da família real, o Estado-novo e a ditadura política dos anos 60;
♦  Redemocratização política dos anos 80 e a implantação das leis de incentivo à cultura no Brasil;
♦ A história do Ministério da Cultura;
♦ A Lei Sarney e a conjuntura da redemocratização;
♦ A Lei Rouanet nos governos FHC, Lula e período atual;
♦ Perspectivas para a implantação da nova lei de incentivo á cultura federal – Procultura
♦ A história das leis de incentivo à cultura em São Paulo;
♦ Programas de cultura SP: estadual e municipal (Proac, Organizações Sociais, VAI, Promac e programas de formação);
♦ Leis e programas federais de cultura: panorama atual de possibilidades de uso;
♦ Cultura Viva e os Pontos de Cultura como alternativa sustentável;
♦ Sistema Nacional de Cultura e Plano Nacional de Cultura;
♦ Sistemas Estaduais e Municipais de Cultura;
♦ Conselho Nacional de Políticas Culturais e Fundos Setoriais de Cultura
♦ Mapas de Cultura (SNIIC e SP Cultura);
♦ Reflexões sobre a esfera político-cultural atual e aplicação na gestão de políticas públicas de cultura.


INTI QUEIROZ
Produtora cultural, bacharel em Linguística e Língua Portuguesa. Doutoranda e mestre em Filologia e língua portuguesa pela FFLCH – USP. Atualmente desenvolve uma pesquisa de doutorado sobre a nova arquitetônica da esfera político-cultural brasileira a partir do Sistema Nacional de Cultura. Desde 2002 é gestora de projetos culturais de diversos tamanhos nas áreas de teatro, audiovisual, artes visuais, patrimônio histórico e música.  Produz dois eventos paulistas de música instrumental, o Festival PIB – Produto Instrumental Bruto e o Festival Expresso Jazz SP.

 

 
UA-24175149-1