UA-24175149-1

Fotografia Encenada: Imagem e Performance | Bruno Schultze e Gabriela Flores

curso fotografia


FOTOGRAFIA ENCENADA: IMAGEM E PERFORMANCE
CURSO COM BRUNO SCHULTZE E GABRIELA FLORES

Este curso oferece, por meio de reflexões teóricas e exercícios práticos, conteúdos que relacionam a Fotografia e a Performance. O objetivo do curso é dar subsídios aos participantes para que, imersos em processos criativos, possam compor narrativas visuais da sua singularidade.

Pretende-se que a operação fotográfica com toda sua especificidade técnica e expressiva sirva como plataforma para a exploração de formas compositivas capazes de mediar a interação entre o real e o imaginário, o consciente e o inconsciente, o prosaico e o poético.

A partir da apresentação histórica, tanto do gênero Fotografia Encenada, como da evolução da técnica teatral e Performance, serão realizados experimentos variados sobre o espaço e a expressão cênica como elementos essenciais de uma gramática visual.


Público-alvo:
Artistas em geral, atores, fotógrafos, cenógrafos, diretores, iluminadores, figurinistas, performers, dançarinos, músicos, cantores e poetas

Cronograma
Novembro 7 21
Dezembro 5 12

Datas: 7 de novembro a 12 de dezembro de 2015
Dia e horário: Sábados, das 14h às 17h
Duração: 4 encontros teóricos e práticos
Vagas: 15


Local:
Rua Amália de Noronha 301 (5 min. do metrô Sumaré)


Vagas limitadas! Inscrições até 6/11:

atelierpaulista@gmail.com
3082-9217

Obs.: A realização do curso dependerá de um mínimo de inscritos.

BRUNO SCHULTZE
É artista visual, mestre em Poéticas Visuais pela Universidade de São Paulo (ECA-USP) e docente de graduação e pós-graduação no campo da imagem em universidades brasileiras. Utiliza-se da fotografia e do vídeo como formas de expressão e seu trabalho artístico foca a relação entre o homem e seu meio. Suas obras foram expostas no Brasil (MAC –SP, Centro Cultural Dragão do Mar – Fortaleza), na Alemanha e na França. sua última exposição foi realizada no Paço Imperial do Rio de Janeiro, como parte do edital Prêmio Arte-Patrimônio do IPHAN/MinC em 2014. Ministra o curso de Fotografia Encenada em instituições como USP e UNIP e na forma de workshops para organizações assistenciais no Estado de São Paulo. É pesquisador ativo no Grupo de Pesquisa de Impressão e no Grupo de Pesquisa Poéticas da Multiplicidade na USP. Realiza atualmente pesquisa de doutorado em Poéticas Visuais pelo Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais da ECA-USP.

GABRIELA FLORES
É atriz, diretora e arte-educadora há 17 anos. Estudou na ECA-USP e na EAD-USP. Cursa Licenciatura em Artes-Teatro na UNESP. Com Antunes Filho trabalhou durante cinco anos, tendo participado do projeto “Prét’ a Porter” e protagonizado a tragédia “Fragmentos Troianos”. Integrante da Companhia da Mentira dirigiu e atuou nas peças “O que você foi quando era criança?” de Lourenço Mutarelli, “Soslaio” de Priscila Gontijo e “Music-Hall” de Jean Luc Lagarce. É colaboradora na Companhia Arnesto nos Convidou do dramaturgo e diretor Samir Yazbek, tendo atuado nos espetáculos “As Folhas do Cedro” e “O Fingidor”. Faz parte da Equipe de Coordenadores Artístico Pedagógicos do Programa Vocacional da SMC/SP. Atua como arte educadora no CENPEC (centro de estudos e pesquisa em educação, cultura e ação comunitária), realizando formações para educadores em diversos municípios, entre eles, Belo Horizonte, Goiânia, Rio de Janeiro e Porto Alegre.

Programação:


1ª aula (07/11) –
Apresentação do curso e metodologia. Contextualização da fotografia encenada, com análise de exemplos de obras de artistas que trabalharam esse gênero da fotografia ao longo do tempo. Noções gerais de encenação teatral, da arte rupestre aos encenadores contemporâneos.

Introdução à prática fotográfica e iluminação.


2ª aula (21/11) –
Estudo das obras de Tadeus Kantor e Bob Wilson, exploração de recursos técnicos destes artistas para desenvolver o espaço cênico, o discurso cênico, os elementos narrativos e plásticos da cena. História da fotografia.

Prática fotográfica e noções de tratamento digital de imagem (colagem, fusão, layers).


3ª aula (5/12) –
Treinamento corporal, com objetivo de potencializar a presença, a expressividade envolvendo corpo. Os procedimentos utilizados são exercícios e práticas que tem sido experimentadas por artistas que buscam borrar as fronteiras entre as linguagens.

Noções de composição e enquadramento aplicadas à fotografia encenada.


4ª aula (12/12) –
Apresentação de obra em vídeo de Bob Wilson e discussão objetivando ajudar a elaboração da poética dos participantes. Prática de autoretrato, representação do “real”, mimesis.

A fotografia em branco e preto, e as diversas maneiras de otimizar a transformação a partir de imagens coloridas.

Tratamento final das imagens produzidas durante o curso, técnicas de armazenamento e apresentação de imagens digitais.

Avaliação dos trabalhos finais produzidos pelo grupo.

*imagem: Os Trinta Valérios (1901) – Valério Vieira

 
UA-24175149-1